Como está seu dia hoje?

Certo dia, estava andando pela rua e me atentei a duas pessoas que estavam juntas mais a minha frente. Embora tivessem afinidades (parentes talvez?) eram totalmente diferentes uma da outra.

Assim como eu, elas estavam observando as pessoas na rua e comentando a respeito.

O comportamento de ambas me fez pensar na maneira que encaramos nossas vidas ou o que torna um dia ruim.

Em relação a essas duas, era notável quem estava tendo um dia ruim ou não.

Enquanto eu estava perdida em meus devaneios, uma mãe com seu filho pequeno passa pela rua, as duas observam. A primeira, se encanta imediatamente com a criança. No mesmo instante, a reação da outra foi criticar a roupa da mãe, por achar indecente demais.

E não parou por aí… as duas continuaram andando na minha frente se deparando com uma enorme árvore. O outono estava próximo de chegar e por isso diversas folhas estavam caindo no chão. Suas flores também caiam, deixando o chão ao seu redor totalmente rosa. Sem hesitar, a primeira garota soltou uma expressão entusiasta, achando linda toda aquela mistura de cores em volta da árvore. A outra, por sua vez, apenas reparou como aquelas folhas sujavam o chão.

Em seguida, um homem passou por nós. Estava muito feliz e andando a passos rápidos. A garota logo reparou no sorriso estampado em seu rosto, enquanto a outra, instintivamente se afastou, achando que ele estava prestes a assaltá-las.

Coincidentemente, elas trabalhavam perto de mim. Chegando próximo ao local uma delas se virou e disse: “Tenho tantas coisas para fazer! Finalmente estou conseguindo ser útil e ser reconhecida.” A outra, como esperado começou a reclamar das péssimas condições da empresa, do salário e do quanto era cobrada.

Provavelmente a conversa deve ter continuado e milhões de situações se repetiram, mas não pude acompanhar, pois tinha que trabalhar também.

Mas fiquei o dia todo pensando nisso. Com tantas situações comuns para as duas, coisas que acontecem com todos nós, como é que se pode ter pontos de vista tão extremos? De quem é a culpa se nosso dia é ruim?

Melhor, pensando em nossas atitudes diárias, nossos pensamentos furtivos, eu pergunto: como está o seu dia hoje ?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s